Podólogo em Taubaté

Podologia, Podologista, Clínica Estética

Podólogo em Taubaté

Podólogo em Taubaté: também chamado podologista ou podiatra, é o profissional devidamente habilitado que investiga, previne, diagnostica e trata doenças superficiais e deformidades dos pés e as suas consequências no corpo humano.

Foram encontrados registros históricos em pirâmides egípcias que mostravam pessoas fazendo procedimentos parecidos aos que o podólogo realiza atualmente. A podiatria é uma das profissões mais antigas da história e foi conhecida por diversas denominações, entre as quais "Quiropodologia". Os soldados de Roma, voltando da guerra, tratavam seus pés com os “quitacalos”. Em 1700, é lançado o livro "L'art de Soigner Lês Pieds" (de Laforest), esclarecendo sobre verrugas, calosidades e infecções. A primeira escola técnica fou fundada e o crescimento da profissão se valorizou.

A Podologia evoluiu graças à adaptação de novas técnicas de diagnóstico e realização de novos tratamentos.

O Podologista em Taubaté trata da saúde dos pés, nosso principal meio de transporte, carregando-nos por 128.000 quilômetros em nossa vida, equivalente a três voltas ao mundo. Ainda assim, são a parte do corpo mais negligenciada.

As áreas de intervenção e divisão da Podologia são: Podologia Geral (avalia a dinâmica e a estática dos pés); a Pediátrica ou Infantil (cuida dos pés das crianças e pré-adolescentes); a Geriátrica (abarca os pés dos idosos); a de Risco (se responsabiliza pelos pés dos diabéticos e por problemas neurológicos e vasculares, por exemplo); a Desportiva (incumbe-se dos pés dos atletas e praticantes de esportes); a Laboral (encarrega-se de avaliar os pés em seus contextos profissionais); e a Preventiva, cujo nome é autoexplicativo.

Podologia Clínica Geral

O pés humanos são estruturas corporais muito complexas, que abrigam um quarto (1/4) de todos os ossos corporais, com uma intrincada rede muscular, de articulações e ligamentos. Os pés são também bastante vulneráveis a patologias e ferimentos, sendo objeto de mais de 300 condições patológicas.

Pessoas que sofrem de diabetes têm alto risco de desenvolvimento de sérios problemas em seus pés devidos à doença, pois as anomalias no sangue e degenerativas diminuem a habilidade de combater infecções, enfraquecendo também a capacidade de cicatrização.

Alguns tipos de pés possuem necessidades especiais e demandam atenção especializada.

Podologia Pediátrica ou Infantil

Os pés infantis estão ainda em formação e são peculiarmente frágeis. Podem ser afetados por diversos fatores, desde o mau uso de calçados até a alta atividade recreativa e física das crianças. Por isso, o exame precoce é uma medida preventiva altamente recomendada. Os sinais de problemas potenciais podem ser, entre outros: desgaste anormal do calçado; alterações dermatológicas, como verrugas; mau apoio dos pés; alterações das unhas; dores nos pés; alterações da marcha; tropeços frequentes.

O tratamento e o diagnóstico precoce dos pés das crianças são essenciais para um crescimento adequado e para a prevenção de alterações funcionais e estruturais, razão pela qual se deve procurar frequentemente um podologista de confiança.

Podologista de Desporto

Atividades desportivas, como caminhada, corrida, salto, trazem uma elevada demanda física para o corpo, acima das atividades rotineiras. Durante a corrida, os pés precisam absorver até três vezes o peso corporal, razão pela qual as patologias dos dos membros inferiores, especialmente dos pés, representam uma significativa proporção das lesões relacionadas à prática de esportes.

Compreender a anatomia e a dinâmica dos pés é essencial para o diagnóstico precoce de anomalias e para propiciair melhor qualidade de vida e rendimento esportivo.

Podiatra Laboral

Durante o horário de trabalho, os pés percorrem até 24 quilômetros em um único dia e absorvem todas as cargas relacionadas especificidade profissional do trabalhador: marcha, corrida, levantamentos, escaladas condução de maquinarias, ausência de descanço, esntre outras. Cerca de vinte por cento de todas as reclamações de saúde relativas à atividade laborativa são relacionadas a lesões nos pés, que muitas vezes se associam à inadequação e baixa qualidade de calçados.

Podiatria Geriátrica

Com idade de cerca de cinquenta anos, os pés perdem por volta da metade de sua capacidade de absorver impactos, que é dada pelo panículo adiposo (gordura da planta do pé). Nessa idade, os pés percorreram aproximadamente 86 mil quilômetros de distância. Estudos apontam que a partir dessa idade as pessoas ficam 80% mais sujeitas a artrite dos pés e tornozelos e 90% mais suscetíveis a deformações articulares dos pés e de seus dedos.

Perfil do Podólogo em Taubaté

Nesse contexto, ao profissional podiatra é preciso relacionamento social, autoconfiança, equilíbrio emocional, estudioso, concentração e habilidade.

Visite um profissional especializado em Podologia sempre que:

  • estiver sentindo dores nos pés;
  • passar por longos períodos em pé;
  • observar distúrbios de pele ou nas unhas (unha encravada, calosidades, alteração de coloração);
  • sentir de mau odor;
  • houver ferimento nos pés;
  • sofrer de problemas de saúde, como artrite reumatóide, diabetes, distúrbios vasculares;
  • frequentemente tropeçar ou torcer os pés;
  • tiver dificuldade para calçar sapatos diante de alteração da anatomia dos dedos.

Formação do Podologista em Taubaté

O podólogo para executar sua profissão é necessário fazer cursos de especialização, formação superior ou técnico. Sendo o profissional obrigado a adquiri o Termo de Responsabilidade de sua atuação.

Tratar calos, higienizar e reformar unhas, análise do pé, avalia o calçado utilizado, corte das unhas, polimento e remoção de cutícula em excesso.

O podólogo tem a possibilidade de atuar em hospitais, clínicas, clubes, spas e em domicílio, Atende pacientes de todas as idades e de forma autônoma ou como funcionário.