Implante Dentário em Taubaté

Implantodontia; Implantes Dentários; Cirurgia Odontológica

Implante Dentário em Taubaté

Implante Dentário em Taubaté: implantes dentários são feitos através de pinos, geralmente de titânio, semelhantes a um parafuso, para substituir raízes dentárias. São posicionados cirurgicamente no osso maxilar ou mandibular, sendo um suporte para o dente artificial.

O preço de um implante depende se haverá mesmo a necessidade de enxerto no osso, pois, após a retirada do dente, o osso local diminui em sua altura e espessura. Caso o enxerto ósseo seja realmente o ideal para o tratamento em si, o valor do implante dentário poderá ser maior.

Outro fator importante que influencia no preço do implante dentário é a marca do pino que será colocado oferecendo maior qualidade, e sendo que algumas dessas marcas possuem um tempo de osseointegração menor, ou seja, a cicatrização óssea será mais rápida.  O implante dentário devolve ao paciente sua segurança em fazer as atividades simples do seu dia a dia, como mastigar, sorrir, etc. Pois o seu sorriso merece o melhor.

Orientações pré-operatórias para Implante Dentário em Taubaté

Os programas de tratamento pré-procedimentos cirúrgico são muito importantes e necessários para uma cirurgia eficaz. Primeiro deve-se marcar uma consulta para avaliação com o cirurgião dentista, que analisará o raio-X a fim de informar e conscientizar o paciente das precauções que antecedem a cirurgia.

Na consulta, o dentista questionará o paciente sobre o uso prolongado ou contínuo de medicamentos, e pesquisa possíveis alergias, doenças infecciosas e contagiantes ou algum tipo de inflamação do organismo. Após essas análises, a pessoa é orientada sobre o jejum anterior a cirurgia. Caso haja necessidade o paciente será sedado, e para isso um anestesiologista é chamado. Exames de sangue, urina e de coração são feitos e visualizados antes da cirurgia dentária para evitar possíveis riscos cirúrgicos.

Orientações pós-operatórias

As orientações e procedimentos pós-cirúrgicos são essenciais para uma boa recuperação e para o sucesso do implante. Para ajudar na recuperação, os pacientes devem ser instruídos quanto aos edemas ou hemorragias e as possíveis maneiras de diminuir os incômodos, dentre eles, o uso de bolsas de gelo sempre respeitando o tempo de aplicação para evitar lesões na pele; Explicar sobre a alimentação que, a princípio, deve ser de alimentos mais moles e frios, como por exemplo, os líquidos, mingau, sopas e sorvetes. Sempre ressaltar a importância de beber muita água. Em alguns dias, o paciente pode, gradativamente, partir para uma dieta mais sólida e realizar a mastigação com o lado oposto ao da cirurgia. E em caso de ambos os lados tenham sido operados, sugere-se que a mastigação seja realizada com os dentes da frente.

Também é importante evitar a abertura da boca em excesso, não fumar e não ingerir bebidas alcoólicas. Em casos de dor persistir, as compressas quentes podem aliviar. Os alimentos com sal e crocantes / duros devem ser evitados durante o período da recuperação; a limpeza da boca é essencial, sendo feita com escova de cerdas macias, e com o cotonete limpar o local da cirurgia; bochechos com enxaguantes bucais antissépticos são receitados pelo dentista.

O tempo de recuperação completa vai depender de cada paciente, porém o período que inicia no dia do procedimento cirúrgico até a colocação dos dentes pode variar de 45 dias a 4 meses, período estimado quando o enxerto ósseo não for preciso.

A pessoa que vai colocar o implante dentário precisa ter suas gengivas saudáveis e os ossos ideais para sustentar o pino. E para o sucesso a longo prazo dos implantes, a longo prazo, é preciso realizar higiene bucal cuidadosa e visitar regularmente seu dentista.